Prefeita de Juazeiro faz verdadeiro desmonte na Saúde do município

0
346

O servidor público do município de Juazeiro, no norte da Bahia e ex candidato a vereador pelo Partido dos Trabalhadores (PT) no pleito passado, Adegivaldo Mota denuncia desmonte da saúde pública de Juazeiro. O mesmo vem a público denunciar o fechamento de vários postos de saúde na sede e interior do município.

Hoje dia 20 de Dezembro, Mota procurou este veículo de comunicação para informar que esteve pela manhã no Povoado de Campos, Distrito de Maniçoba, sua terra natal e para denunciar o fechamento da UBS daquela localidade, que está sem atender há mais de uma semana. Situação que deixa desassistido os usuários daquela área, em especial, os idosos, gestantes e crianças.

‘A prefeita Suzana Ramos irresponsavelmente fez uma demissão em massa de trabalhadores e trabalhadoras de saúde que atendem nas Unidades Básicas Saúde. Muitos destes profissionais com mais de 15 anos de serviços prestados”. – denunciou, Adegivaldo Mota.

Mota ressalta que “na saúde especificamente é extremamente necessário a continuidade dos serviços e dos profissionais, pois o vínculo desses com as famílias é fundamental para que essa população se sinta segura e confiante nos atendimentos. Esses vínculos foram rompidos depois dessa demissão absurda. Hoje as UBS que não estão fechadas, estão vazias com suas equipes desmontadas e sem capacidade de atendimento ao público. Não bastasse a falta de medicamentos básicos como dipirona e antialérgicos, a falta de insumos até para curativos entre outras dificuldades, esses trabalhadores e trabalhadoras ainda recebem a triste noticia das demissões”. – pontou.

A prefeitura Suzana Ramos justifica as demissões afirmando que está sendo cobrada pelo ministério público para demitir os contratados. O que segundo Adgivaldo, é falso.

Diante dessa afirmação, o ex candidato a vereador pergunta: Porque não decretou estado de calamidade pública e contratou esses profissionais por emergência? Depois desse desmonte, como será a vacinação da população que procura a vacina da Covid 19 em meio a pandemia? Como os idosos, as gestantes as crianças e o público em geral serão atendidos? Até quando essas unidades ficarão fechadas? E conclui dizendo: Não vamos nos calar diante desse desmonte da saúde da nossa cidade, que prejudica os serviços, os profissionais e a população em geral da sede e do interior.

Da direção.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.