Alunos do Colégio Estadual Hildete Lomanto visitam exposição sobre Luiz Gonzaga na UNEB e participam de palestra sobre o Rei do baião

0
58

Cerca de trinta alunos do curso de Educação de Jovens e Adultos (EJA), do Colégio Estadual Hildete Lomanto, de Juazeiro, estiveram na Biblioteca Rômulo Galvão da Universidade do Estado da Bahia (UNEB) Campus III para visitar a Exposição Luiz Gonzaga, 30 anos de saudades.

Os estudantes foram recebidos pelo o coordenador da Biblioteca, Regivaldo José da Silva, que deu as boas vindas aos visitantes. Em seguida foram acompanhados pelo jornalista Ney Vital, que é um exímio pesquisador da obra do sanfoneiro que tornou o forró conhecido no Brasil e no Mundo. Ney apresentou a exposição ao grupo e comentou os quadros pintados pelo o artista plástico Iranildo Moura Leal, que nasceu em Petrolina.

Os estudantes fizeram um passeio pela Fazenda Caiçara, onde Luiz Gonzaga nasceu em 12 de dezembro de 1912, há 12 km da cidade de Exu, em Pernambuco, pela casa onde morou Januário e Santana, pais de Gonzagão e por imagens que mostram o Rei do Baião já famoso, onde homenageia Lampião, do qual era admirador.

A visita foi coroada com uma bela palestra do jornalista Ney Vital que apresentou sua pesquisa sobra a vida e a obra do pernambucano do século XX através de imagens, músicas e depoimentos de artistas famosos como Raul Seixas e Dominguinhos.

Fã de Gonzagão, a estudante Iramara Passos não poupou palavras ao falar da exposição e da palestra sobre o ídolo. “Sua obra é eterna. A trajetória de Luiz Gonzaga é um símbolo de persistência, obstinação, talento e força criativa popular”, elogiou.

A aluna Adrielly Lima também gostou da aula “diferente”. “A palestra foi ótima. Foi um prazer conhecer mais sobre a vida do nosso rei do baião”, destacou.

Luiz Gonzaga morreu aos 76 anos no dia 2 de agosto de 1989 no hospital Santa Joana, em Recife, Pernambuco. Nesta sexta-feira (02/08) faz 30 anos da sua morte.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here