Manifestação em frente à SMED e caminhada mostra a força da greve e unidade dos professores

0
49

 

Mais uma vez os trabalhadores em educação da Rede Municipal de Salvador, liderados pela APLB-Sindicato, legítima representante da categoria, mostraram sua garra, foco e determinação e numa clara demonstração de união, força e disposição para lutar estiveram juntos em uma grande manifestação em que prevaleceu a unidade dos trabalhadores que chegam nesta quinta-feira (19), a nove dias em greve.

Podemos dizer no bom baianês que a manifestação desta manhã, em frente à SMED, seguida de uma grande caminhada “foi de arrepiar”. Com faixas, cartazes, apitos, música, refrões e gritos de luta em nome da resistência e, até plantio de sementes de girassol (simbolizando um recomeço, uma transformação na Educação), a categoria compareceu em peso, e, parodiando a TV Golpista, falou em alto e bom som “A Educação que eu quero para o meu município!”.

Após a mobilização em frente a SMED, a categoria saiu em caminhada e percorreu o entorno do Parque Lucaia, culminando a manifestação em um grande ato que formou um círculo com todos “de mãos dadas com a Educação” e contra qualquer modelo de opressão ao trabalhador.

Ao longo do percurso, “buzinaços” e aplausos da população que apoia o movimento, além de canções recheadas de criatividade e ousadia, mas que denunciavam o desrespeito do prefeito e sua recusa em negociar.

Nesta quinta-feira à tarde, o comando de greve estará reunido para discutir a pauta e propostas que serão apresentadas na Assembleia Geral da Rede Municipal que acontece nesta sexta-feira (20), às 9h, no Ginásio dos Bancários.

Crédito das Fotos: Getúlio Lefundes/ Adriana Roque

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here