Em assembleia, professores da rede municipal de Salvador decidem manter greve

0
57

Os professores da rede municipal de Salvador decidiram, em assembleia realizada nesta sexta-feira (20), manter a greve da categoria. Iniciada no último dia 11, a paralisação já chega ao décimo dia.

De acordo com a diretora do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), Elza Melo, a prefeitura suspendeu as negociações. Ainda assim, a expectativa é que as articulações sejam retomadas na próxima segunda ou terça-feira.

Durante a assembleia, foi aprovada também uma agenda de atividades para a próxima semana. Na segunda, a categoria ocupará a Praça Cairu, no Comércio. Na terça, está programada uma vigília no aguardo de possíveis negociações. Uma nova assembleia da categoria foi marcada para a próxima quarta-feira (25).

A APLB aponta como principais motivos para o movimento a ausência, há três anos, de reajuste salarial e de auxílio alimentação; o desrespeito aos trabalhadores da educação; e a ausência de eleições para diretor de escola, que deveriam ter acontecido em 2017.

Da redação. Foto: Divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here