Familiares de professora de Casa Nova estão revoltados com o PLANSERV

1
164

A redação do 60graus.com foi procurada pelos familiares da professora Luzia Rocha, de Casa Nova, para reclamar e demostrar indignação com o Plano de Saúde dos Servidores Estaduais – PLANSERV.

Segundo os parentes da professora, ela sofreu um acidente doméstico no qual quebrou o ombro. O fato aconteceu no último domingo (10/06), a mesma encontra-se internada no hospital SOTE em Juazeiro e até hoje está aguardando a liberação por parte do plano de Sáude.

“Estamos indignados com o atendimento do PLANSERV.
Minha irmã está desde domingo aguardando a liberação de uma cirurgia do braço e até o momento nada. Como é que pode pagar um plano tão fraco como esse? Como o governo oferta um serviço de saúde de péssima qualidade como esse?” – Falou um dos parentes da dona Luzia.

Ainda de acordo com os familiares, a professora foi atendida no domingo na SOTE, fez o raio x que comprovou a fratura no ombro e desde segunda-feira está internada aguardando a liberação e até agora, nada. Ela já está se tudo um peso no braço e muita dor. Fato que pode agravar e dificultar a recuperação da dona Luzia.

1 COMENTÁRIO

  1. Resposta do Planserv

    A respeito da nota publicada por este site sobre a demanda da beneficiária Luzia Rocha, de Casa Nova-BA, o Planserv esclarece que o pedido de autorização do procedimento cirúrgico no Hospital SOTE, em Juazeiro, foi recepcionado pelo plano no dia 11 de junho e no dia 13 foi autorizado.
    Apesar da autorização do Planserv dentro do prazo de 72 horas, em conformidade com as Diretrizes da Assistência, o procedimento não foi realizado até o momento, segundo o hospital, porque o mesmo não entrou em acordo com seu fornecedor de materiais por questões de preço.
    Ao tomar ciência do fato, o Planserv priorizou contatos com outros fornecedores para solucionar o impasse, a fim de agilizar a assistência à beneficiária. Em contato com seus familiares, inclusive, o plano recebeu a informação de que eles desconheciam o fato do procedimento ter sido autorizado pelo Planserv dentro do prazo.
    O caso está sendo cuidado com prioridade pelo Planserv para que, muito em breve, a beneficiária possa ser adequadamente assistida e tenhamos um desfecho positivo. A Assistência manterá contato com os familiares da professora Luzia Rocha para atualização das informações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here